0

Michels e Camarinha garantem Centro de Inovação mesmo com mudança no governo

Michels e Camarinha garantem Centro de Inovação mesmo com mudança no governo

Michels reuniu vereadores para assinar convênio juntamente com o secretário . Foto: Thiago Benedetti/PMD

O prefeito de Diadema, Lau­ro Michels (PV), e o secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, Vinícius Cama­rinha, assinaram ontem (7) protocolo de intenções para a implementação, na cidade, de Centro de Ino­vação Tecnológica (CIT) por meio de parceria entre prefeitura e governo do Estado.

A pouco menos de dois meses do encerramento do mandato do governador Márcio França (PSB), prefeito e secretário garantiram que o protocolo assegura a ins­talação do equipamento, a despeito da mudança no comando do governo – eleito no segundo turno da eleição estadual, João Doria (PSDB) as­sumirá o Palácio dos Ban­dei­­rantes no dia 1º de janeiro.

Michels e seu grupo político deram apoio a França, que buscava a reeleição, mas acabou derrotado pelo tucano.

“Vamos deixar uma série de documentos na secre­taria para garantir que o equipamento não seja prejudicado por decisões políticas”, afirmou Ca­marinha, que assu­miu a pasta há alguns dias. “Queremos tranquilizar a cidade, pois é um projeto que já começou. É irreversível”, prosseguiu.

“A semente já está plantada. Daqui para frente, tornaremou o Centro de Inovação uma realidade para a ci­­­da­de”, reforçou Michels, des­tacando que espera ver o equipamento credenciado até o final do ano.

 ENTENDA

O CIT visa estimular e dar suporte ao processo de inovação das empresas, além de promover a interação entre empreendedores e o meio acadêmico para fomentar o desenvolvimento econômico.
Entre os espaços que com­põem um Centro de Ino­vação Tecnológica figuram labora­tórios, espaço de coworking, incubadora de empresas e auditórios, entre outros.

O secretário de Desenvol­vimento Econômico de Dia­dema, Laércio Soares (PCdoB), revelou que há duas opções para a instalação do equipamento: a Faculdade de Tecnologia (Fatec) e o campus de Diadema da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). “A decisão deve sair dentro do prazo de 15 dias”, disse.

“A prefeitura vai determinar o local e estabelecer o ambiente com a sociedade civil e as universidades, chamando a cidade para dentro do espaço, enquanto o governo do estado pode celebrar convênios e finan­ciar eventuais obras necessárias”, explicou Cama­rinha.

O passo seguinte é o credenciamento do projeto na Rede Paulista de Centros de Inovação Tecnológica. Atual­mente, a RPCITec possui oito CITs credenciados, 23 em projeto e outros 20 protocolos de intenção assinados.

Michels destacou que o CIT terá foco na Tecnologia da Informação. “O projeto visa beneficiar o município ao longo dos próximos dez anos. Com este Centro, estamos pensando no futuro.”

Editoria: Política Tags: , , , , , , , ,

Assine e receba as publicações

Compartilhe esta matéria

Matérias Relacionadas

Comente esta matéria

Enviar comentário

Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e serão removidos.

© 2018 Diadema Jornal. Todos os direitos reservados.
.